Sexta, 12 Outubro 2018 06:44

Governo do Estado autoriza o início das indenizações de desapropriação para a construção do Aeroporto Regional do Oeste

Postado por 
Avalie este item
(0 votos)
Governo do Estado autoriza o início das indenizações de desapropriação para a construção do Aeroporto Regional do Oeste (Repórter: Wyllian Soppa)

 

O Governo do Estado autorizou, nesta quinta-feira, o início das indenizações a donos das áreas desapropriadas para a construção do Aeroporto Regional do Oeste. Em reunião na ACIC, Associação Comercial e Industrial de Cascavel, o Chefe da Casa Civil, Dilceu Sperafico, disse que a orientação da governadora Cida Borghetti é de que todo o processo ocorra com rapidez para que as obras do aeroporto possam ser iniciadas. No encontro, técnicos da Secretaria de Infraestrutura e Logística e da Procuradoria-Geral do Estado também conversaram individualmente com os proprietários já localizados para firmar os acordos e acelerar o pagamento. Sperafico afirmou que este é mais um passo para entregar o novo aeroporto, aguardado pela região há mais de 30 anos.
No início de julho, a governadora assinou decreto de utilidade pública para desapropriação de uma área de cerca de 60 alqueires, entre os municípios de Cascavel e Tupãssi, onde ficará o novo aeroporto. Recursos da ordem de 10 milhões e 500 mil reais foram empenhados e depositados em conta específica para as indenizações. Também foi firmado um acordo com a Itaipu para o desenvolvimento do projeto. Agora tem início a negociação com os proprietários das áreas, que estão sendo contatados. O chefe da Casa Civil também pediu o apoio dos parlamentares do Oeste para acelerar o processo e informou que, além de transportar passageiros, o novo aeroporto deverá também possibilitar o transporte de cargas. O presidente da AMOP, Associação dos Municípios do Oeste Paranaense, e prefeito de Maripá, Anderson Bento Maria, salientou a importância deste investimento na região.
O anúncio do início da liberação das indenizações contou, ainda, com a presença do prefeito em exercício de Cascavel, Jorge Lange; do prefeito de Toledo, Lucio de Marchi, e de Tupãssi, Ailton Caeiro da Silva, além de lideranças e dirigentes de várias entidades de classe, como a Caciopar, Amop e Programa Oeste em Desenvolvimento.
(Repórter: Wyllian Soppa)