Gilmar Bosquette

Gilmar Bosquette

Sexta, 08 Fevereiro 2019 10:49

ACIJ apresenta promoção de 2019

Em um café da manhã nesta sexta feira (08), a Associação Comercial de Jesuitas divulgou a premiação da promoção do comércio de Jesuítas, carajá e Iracema do Oeste para este ano de 2019. Esse ano a diretoria resolveu não sortear carro e premiar um número maior de consumidores. Serão sorteadas 3 motos, uma bicicleta e vários vales compras.

Com a participação de mais de 700 pessoas, a Cooperativa realizou nesta sexta-feira dia 1º de fevereiro, a sua AGO (Assembleia Geral Ordinária), na Aercol em Cafelândia.

Além da prestação de contas referente ao exercício de 2018, durante a AGO também foram realizadas a posse dos do Conselho de Administração eleito para os próximos 4 anos e a posse do Conselho Fiscal, eleito para esse ano.

Segundo o presidente da Copacol Valter Pitol, mesmo com toda as adversidades que foram enfrentadas no ano passado, a Cooperativa realizou investimentos importantes como a conclusão da segunda linha de abate da Unitá, o início das obras do Centro de Distribuição e da nova unidade de recebimento e armazenagem de cereais na comunidade Melissa, junto com as aquisições das unidades de Carajá e Palmitolândia.

“Agradecemos a participação de todos os nossos associados durante a AGO e vamos trabalhar ainda mais forte neste ano, para oferecer ainda mais oportunidades de renda e qualidade de vida para os nossos cooperados, colaboradores, parceiros e toda a região”, afirma o presidente Pitol.

O presidente do Sistema Ocepar José Roberto Ricken, que participou da AGO, destacou que o profissionalismo da diretoria e modelo de gestão da Copacol, é uma referência para o Cooperativismo brasileiro.

“A Copacol é um modelo de sucesso que sempre ressaltamos no Paraná e no Brasil dentro do sistema cooperativista, porque os investimentos realizados na diversificação das suas atividades, geram milhares de empregos e oportunidades para os cooperados e toda a região. Estes são fatores que possibilitaram a Cooperativa alcançar estes expressivos resultados mesmo em um ano tão desafiador como foi 2018”, ressalta o presidente da Ocepar.

O cooperado Sadi Paini, que participou da AGO confessou surpreso pelos resultados apresentados devido a todas as dificuldades passadas no ano de 2018, principalmente com a greve dos transportes.

“Isso comprova a capacidade que a diretoria tem na administração da nossa Cooperativa, porque em momentos de crise como o que passamos, tivemos uma tranquilidade para trabalhar e continuar a investir, porque confiamos e sabemos da capacidade da nossa diretoria lidera pelo presidente Valter Pitol”, afirma Sadi Paini.

Sobras

Do total dos R$ 53 milhões de sobras destinadas para os cooperados, 50 % foi antecipada em dezembro de 2018 e o restante, será pago nessa quarta-feira dia 6, nas unidades da Cooperativa.

Fonte: Site O Novo Oeste

O corpo de Marcelo Amorim de Oliveira, está sendo velado na Capela Mortuária da Funerária Bom Samaritano. Sepultamento será nesta sexta-feira, às 11h, no Cemitério Jardim da Paz de Assis Chateaubriand.

----

NOTA OFICIAL DA PREFEITURA DE ASSIS CHATEAUBRIAND:

Nesta quinta-feira (31), o Município de Assis Chateaubriand lavrou Voto de Pesar declarando Luto Oficial de três dias pelo falecimento do funcionário público municipal, Marcelo de Amorim Oliveira, que atualmente ocupava o cargo de Chefe da Divisão de Indústria e Comércio, sendo responsável pela Sala do Empreendedor.

O decreto assinado pelo prefeito, João Aparecido Pegoraro, considera seus relevantes serviços prestados para o desenvolvimento do Município e, desta forma, declara Ponto Facultativo, informando que não haverá atendimento no Paço Municipal das 9h30 de hoje até as 17h30 de sexta-feira (1º).

“Madruga”, como era popularmente conhecido, começou a atuar como servidor público em janeiro de 2010 na função de Agente Administrativo. No mesmo ano, assumiu o cargo de responsável pela Junta Militar e pelo Posto de Identificação. Em 2017, ele foi nomeado como chefe da Divisão de Indústria, Comércio e Turismo, sendo responsável pela Sala do Empreendedor.

Casado e com três filhos, Marcelo de Amorim faleceu no início da manhã desta quinta-feira. 

As bandeiras do Paço Municipal foram hasteadas em meio mastro, em sinal de respeito e luto.

O executivo municipal nutre sinceros votos de sentimentos à família!

Fonte: Assessoria de Comunicação do Município de Assis Chateaubriand.

 

O TEC entrou em campo hoje sem mudanças com relação ao último jogo contra a Seleção de Marechal C. Rondon. Com André Luiz no gol, Everton na lateral direita, Adriano na esquerda, Eduardo e Fandinho na zaga. No meio de campo Netto, Jhonathan, Revson e Pacato. E no ataque Wayny e Eduardinho.

A equipe do Professor Agenor Piccinin apresentou um futebol muito compacto e sólido na marcação no primeiro tempo. Conseguiu segurar a forte equipe do Cianorte e ainda criou as melhores chances de gol da primeira etapa. E foi justamente num contra-ataque, na velocidade do meia Pacato e na precisão do goleador Wayny que o TEC anotou o primeiro gol do jogo aos 14′.

A volta do intervalo teve diversas mudanças de ambos os lados para dar tempo de jogo para a maior parte dos dois elencos. O Cianorte manteve o domínio da posse de bola enquanto o TEC manteve-se contra-atacando. No entanto, em duas desatenções da equipe, o Cianorte aproveitou e marcou. Um de cabeça após cobrança de falta, aos 7′, e outro na perda de bola na saída de jogo, aos 42′.

Apesar do resultado desfavorável, o Professor Agenor avaliou positivo o teste para a preparação da equipe e mantém-se confiante para a estréia do Campeonato!

Texto: Assessoria de Imprensa Toledo Esporte Clube.

Os proprietários de veículos usados emplacados no Paraná pagarão, em média, 3,8% a menos no Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) de 2019. Uma pesquisa de mercado realizada pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), que referencia o cálculo do imposto, apontou a desvalorização.

O valor da redução pode ser ainda maior, dependendo da marca, ano de fabricação e modelo do veículo emplacado no Estado. Entre as maiores quedas está, por exemplo, a motoneta I/BASHAN BULL LIV125, que teve uma redução de 53%, sendo uma das maiores registradas no Paraná.

Em 2019 o Paraná contará com 4,3 milhões de veículos tributados e outros 2,6 milhões não tributados. A expectativa é de que o IPVA lançado para o próximo ano atinja R$ 3,4 bilhões

Confira a tabela de valor venal de veículos clicando aqui.

Em 2019, a data de vencimento para pagamento em cota única (à vista) ou a quitação da primeira cota será entre os dias 24 e 30 de janeiro de 2019, variando de acordo com os números finais da placa. Caso opte pelo pagamento à vista, o contribuinte terá um desconto de 3% no valor final. No ano anterior, o prazo para pagamento em cota única variava entre os dias 10 e 16 de janeiro.

Já o contribuinte que preferir dividir o pagamento do IPVA 2019 em três cotas, deverá ficar atendo aos prazos, de acordo com o calendário abaixo. O pagamento da primeira cota será entre os dias 24 e 30 de janeiro; o vencimento da segunda cota será entre os dias 21 e 27 de fevereiro e a terceira e última cota deverá ser quitada entre os dias 21 e 27 de março de 2019, de acordo com os números finais das placas. Veja tabela abaixo.

MUDANÇA NO PAGAMENTO – Neste exercício, os contribuintes receberão em casa apenas uma correspondência, contendo a Guia de Recolhimento para pagamento em cota única (à vista) do IPVA 2019. Quem optar por parcelar o IPVA em três cotas, deve entrar no Portal da Secretaria da Fazenda (www.fazenda.pr.gov.br) e imprimir as guias de recolhimento.

O pagamento também poderá ser feito usando somente o número do RENAVAM nos bancos credenciados - Banco do Brasil, Bancoob, Bradesco, Itaú, Rendimento, Santander e Sicredi.

NOTA PARANÁ – Em 2019, 127.664 proprietários de veículos utilizaram os créditos do Nota Paraná para quitar ou reduzir o valor do IPVA 2019, ocasionando uma economia de mais de R$ 15,5 milhões aos bolsos dos contribuintes, valor 17,3% maior do que o registrado no ano anterior.

Os contribuintes que, mesmo transferindo os créditos do Nota Paraná, não conseguiram quitar o IPVA 2019 integralmente, receberão a Guia de Recolhimento com a diferença, que também poderá ser quitada à vista, aproveitando o desconto de 3% ou dividido em três cotas.

Fonte: Bem Paraná

Quarta, 19 Dezembro 2018 12:32

Sicredi inaugura agência em Bragantina

A cooperativa de crédito Sicred Vale do Piquiri ABCD PR/SP, inaugurou na manhã de hoje (19), a agência de Bragantina, distrito de Assis Chateaubriand. Várias autoridades, convidados e a comunidade local estiveram presentes na solenidade e aproveitaram também para se deliciar de um requintado café da manhã. Segundo o presidente da instituição Jaime Basso a agência é 100 por cento sustentável e tem como principal base em sua edificação 2 conteiners. A energia solar também é uma das tecnologias usada pela agência, além de muito verde em sua decoração. Outra curiosidade é que por questão de segurança e praticidade a agência não movimentará moeda corrente (dinheiro), todas as transações serão virtuais através de cartões de crédito/débito. A Sicredi fez uma parceria com todo o comércio local cedendo as maquinetas para receber transações com os cartões dos associados, assim a agência não contará com depósitos e saques de dinheiro em espécie.

Em votação realizada na noite de ontem (17), a câmara Municipal de Vereadores de Assis Chateaubriand elegeu Odilo Denig como presidente da casa para o biênio 2019/2020. Ele obteve 12 dos 13 votos dos vereadores. O vice presidente eleito é Osmar Aparecido Rink, a primeira secretaria ficou com Mauro Adriano da Silva e a segunda secretaria com Lucia Maria Ferreira do Couto.

 

O Ministério da Saúde informou que, até 10h desta segunda (17), 5.935 (cerca de 70,5%) dos 8.411 profissionais inscritos na primeira fase de seleção do programa Mais Médicos já haviam comparecido aos municípios onde devem trabalhar. Em relação ao balanço da última sexta (14), é uma diferença de 44 pessoas.

Os 2.476 restantes (cerca de 30% do total de selecionados) têm até terça (18) para se apresentarem às prefeituras, depois que o Ministério da Saúde prorrogou o prazo de comparecimento.

Das 8.517 vagas oferecidas no primeiro edital, 106 não foram preenchidas, a maioria em distritos indígenas. As inscrições para o programa foram abertas no dia 20 de novembro, com o objetivo de selecionar brasileiros para substituir os médicos cubanos do Mais Médicos. No dia 14 de novembro, Cuba decidiu retirar seus profissionais do país, citando "referências diretas, depreciativas e ameaçadoras" feitas pelo presidente eleito Jair Bolsonaro.

Formados no exterior

Outros 10.205 profissionais médicos brasileiros ou estrangeiros formados no exterior completaram a inscrição de participação no Programa Mais Médicos. O prazo para envio de documentos no site do programa terminou no domingo (16). De acordo com um tuíte publicado nesta segunda (17) pelo Planalto, o Ministério deve publicar, na quarta (19), um balanço das vagas disponíveis. A partir do dia 20, os médicos com CRM no Brasil poderão escolher municípios onde querem trabalhar.

Confira abaixo o cronograma da segunda fase:

$1·         Até 16/12: Inscrição dos médicos brasileiros e estrangeiros formados no exterior. Com o fim do prazo, foram mais de 10 mil inscritos

$1·         Até 18/12: Apresentação dos médicos com CRM brasileiro nos municípios

$1·         19/12: Ministério faz balanço das vagas disponíveis, somando as desistências com as que não tiveram procura

$1·         De 20/12 a 21/12: Médicos com CRM no Brasil escolhem municípios com vagas disponíveis

$1·         De 27/12 a 28/12: Médicos brasileiros formados no exterior escolhem municípios com vagas disponíveis

$1·         De 3/1 a 4/1/19: Médicos estrangeiros formados no exterior escolhem municípios com vagas disponíveis

Mais Médicos

$1·         Foi criado em julho de 2013 para ampliar o atendimento médico principalmente em regiões mais carentes.

$1·         Em agosto de 2013, fechado acordo com a Opas para participação de médicos cubanos.

$1·         Participação de brasileiros formados no Brasil aumentou 38% entre 2016 e 2017, de acordo com o Ministério da Saúde.

$1·         Programa tem 18.240 vagas em mais de 4 mil municípios e 34 Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEI).

$1·         Atende cerca de 63 milhões de brasileiros, de acordo com o Ministério da Saúde.

$1·         Participação de cubanos no programa tinha sido renovada no início deste ano por mais cinco anos.

$1·         Levantamento do governo divulgado em 2016 apontou que o programa é responsável por 48% das equipes de Atenção Básica em municípios com até 10 mil habitantes.

$1·         Em 1.100 municípios atendido pelo programa, o Mais Médicos representava 100% da cobertura de Atenção Básica, de acordo com dados divulgados em 2016.

F   

     Fonte : G1 globo

 

 

 

Saíram os números referentes a esse ano de pessoas que cairam na malha fina em 2018 e, segundo a Agência Brasil, são 628 mil declarações de Imposto sobre a Renda da Pessoa Física estão retidas devido a inconsistências nas informações prestadas. O número corresponde a 2% do total – de mais de 31,4 milhões – de declarações apresentadas neste ano.

Também foram informadas as principais razões pelas quais as declarações foram retidas. O principal motivo foi a omissão de rendimentos do titular ou seus dependentes (379.547); Já divergências entre o IRRF informado na declaração e o informado em Declaração do Imposto sobre a Renda Retido na Fonte (DIRF) levou 183.274 contribuintes à malha fina; informações erradas sobre despesas médicas pegou 163.594 declarações; outros 128.536 contribuintes tiveram problemas em dedução de previdência oficial ou privada, dependentes, pensão alimentícia e outras.

As empresas podem estar nessa situação por uma ou mais das situações apresentadas. Com certeza estar entre esse grupo é o medo de grande parcela de contribuintes, mas o que é a malha fina e como funciona? A Confirp Consultoria Contábil preparou um material que tira as principais dúvidas sobre o tema.

O que é malha fina e por que causa tanto medo?

"O contribuinte realmente deve se preocupar em não cair na malha fina, pois essa se refere ao processo de verificação de inconsistências da declaração do imposto IRPF, assim, caso o sistema da Receita Federal perceba alguma informação está errada, separa a declaração para uma análise mais apurada. E, caso perceba erros, chama o contribuinte para ajustes ou até mesmo inicia investigações e cobra de atrasados e multas", explica o diretor executivo da Confirp Contabilidade Richard Domingos.

Assim, a malha fina é praticamente uma "peneira" para os processos de declarações que estão com pendências, impossibilitando a restituição.

"Para evitar a malha fina, é interessante que o contribuinte inicie o quanto antes o processo de elaboração da declaração, pois poderá fazer com mais calma, buscando documentos que faltam e ajustando possíveis inconsistências", recomenda o diretor da Confirp.

Como pesquisar?

Assim para saber se há inconsistências em suas declarações do Imposto de Renda e se, por isso, caíram na malha fina do Leão, ou seja, se tiveram seu IR retido para verificações é necessário acessar o extrato da Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física de 2017, disponível no portal e-CAC da Receita Federal. Para acessar é necessário utilizar o código de acesso gerado na própria página da Receita Federal, ou certificado digital emitido por autoridade habilitada.

De acordo com a Receita Federal, o acesso ao extrato, por parte dos contribuintes, também permite conferir se as cotas do IRPF estão sendo quitadas corretamente; solicitar, alterar ou cancelar débito automático das cotas, além de identificar e parcelar eventuais débitos em atraso, entre outros serviços.

“Em relação à declaração retida, se não houver erros por parte do contribuinte que necessite enviar uma declaração retificadora, o caminho é aguarda ser chamado para atendimento junto à Receita”, complementa o diretor da Confirp Contabilidade.

Como corrigir os erros?

"Com os erros detectados é importante fazer a declaração retificadora. O procedimento é o mesmo que para uma declaração comum. A diferença é que no campo “Identificação do Contribuinte”, deve ser informada que a declaração é retificadora. Também é fundamental que o contribuinte possua o número do recibo de entrega da declaração anterior, para a realização do processo", explica Richard Domingos.

A entrega dessa declaração poderá ser feita pela internet. O contribuinte que já estiver pagando imposto não poderá interromper o recolhimento, mesmo havendo redução do imposto a pagar. Nesse caso, deverá agir da seguinte forma:

· Recalcular o novo valor de cada quota, mantendo-se o número de quotas em que o imposto foi parcelado na declaração retificadora, desde que respeitado o valor mínimo;
· Os valores pagos a mais nas quotas já vencidas devem ser compensados nas quotas com vencimento futuro ou ser objeto de pedido de restituição;
· Sobre o montante a ser compensado ou restituído incidirão juros equivalentes à taxa Selic, tendo como termo inicial o mês subsequente ao do pagamento a maior e como termo final o mês anterior ao da restituição ou da compensação, adicionado de 1% no mês da restituição ou compensação.

Caso tenha pago menos que deveria, o contribuinte terá que regularizar o valor na restituição de suas declarações, recolhendo eventuais diferenças do IRPF, as quais terão acréscimos de juros e multa de mora, limitada a 20%. E isso só pode ser feito antes do recebimento da intimação inicial da Receita.

Para quem já foi intimado, a situação se complica, não podendo mais corrigir espontaneamente as suas declarações e ficando sujeitos, em caso de erros comprovados, à cobrança do imposto, acrescido de juros de mora e multa de 75% a 150% – sobre o valor do imposto devido e o valor da despesa que foi usada na tentativa de fraude. Se caracterizar crime contra a ordem tributária, o contribuinte estará sujeito a sanções penais previstas em lei – com até dois anos de reclusão.

Possíveis problemas

Constatado que a declaração retida em malha tem informações incorretas

Fazer declaração retificadora, corrigindo eventuais erros cometidos.
Atenção: não é possível a retificação da declaração após início de investigação pela Receita.

Não encontrar erros na Declaração retida em malha e o contribuinte tem toda a documentação que comprova as informações declaradas

1ª opção:
Solicitar a antecipação da análise da documentação que comprova as informações com pendências.
2ª opção:
Aguardar intimação ou notificação delançamento da Receita Federal, para só então apresentar a documentação.

Contudo, o diretor da Confirp faz um alerta: “Na declaração retificadora não é permitida a mudança da opção, ou seja, se o contribuinte declarou na “Completa” deve retificar sua declaração nesta forma, mesmo que o resultado na “Simplificada” seja mais vantajoso. Além disso, o contribuinte pode fazer a retificadora a qualquer momento, desde que não seja iniciada nenhuma ação fiscal por parte da Receita Federal, que pode ocorrer a qualquer momento em até cinco anos”.

“Assim, para concluir, se ao acessar a declaração for informado que ela está “Em Processamento”, é importante que o contribuinte confira todos os dados para certificar que não há erros e aguardar, pois, muitas vezes a declaração retida pelo Fisco não significa erro na declaração do contribuinte e sim, que informações estão sendo buscadas e análises feitas pela Receita Federal nas fontes pagadoras, por exemplo, a empresa que deixou de repassar para a Receita Federal os impostos retidos de seus funcionários”, finaliza o consultor da Confirp.

Fonte : Bem Paraná

As altas temperaturas registradas nos últimos dias acendem um alerta para uma prática arriscada e proibida. Nadar em rios e lagos impróprios para banho é tão perigoso quanto se arriscar no mar sem a presença de salva-vidas. A prática de nado nos parques municipais e nas cavas está proibida, pois estes locais não contam com acompanhamento de profissional habilitado para salvamentos.

A Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil alerta os pais e responsáveis para ficarem de olho nas crianças e adolescentes, evitando acidentes. “O alerta vale para todo mundo, mesmo para quem se considera um nadador experiente”, afirma o coordenador da Defesa Civil de Curitiba, Nelson de Lima Ribeiro. A proibição está indicada nas placas dos parques públicos de Curitiba.

“O desconhecimento sobre o terreno e sobre o que se pode encontrar no fundo da cava, como pedras e galhos, pode acabar em afogamento”, diz Ribeiro.

O coordenador da Defesa Civil alerta que, em hipótese alguma, deve-se tentar saltar na água. “São inúmeros os obstáculos não previstos e choques que podem ser provocados pelo impacto e acarretar sérias lesões físicas”, salienta.

Mesmo com todos os avisos, equipes em ronda da Guarda Municipal flagram a conduta imprópria. Um exemplo é no Parque Náutico e adjacências, no bairro Boqueirão. “Há diversas placas de ‘Proibido Nadar’, mas as pessoas insistem e podem até perder a vida por isso”, diz o chefe do núcleo da Defesa Social no Boqueirão, inspetor Vilson Stempinhaki.

Para ampliar as orientações e dar segurança a quem frequenta as áreas verdes nesse período de temperaturas mais elevadas, a Prefeitura ampliou o efetivo da Guarda Municipal nos principais parques da cidade, nos fins de semana. “Conseguimos inibir muito dessa prática, mas é de extrema importância a consciência de cada um para evitarmos tragédias”, acrescenta Stempinhaki.

Em caso de afogamentos e emergências, deve-se acionar imediatamente o Corpo de Bombeiros (193) ou a Defesa Civil (199).

Nado seguro

A Prefeitura tem nove piscinas públicas, nas quais cerca de seis mil pessoas fazem aulas gratuitas de natação e hidroginástica. Elas ficam nos Clubes da Gente Bairro Novo, Boa Vista, CIC, Santa Felicidade e Tatuquara, no Centro de Esporte e Lazer Dirceu Graeser (Praça Oswaldo Cruz), no Centro da Juventude Audi União e no Centro de Atividade Física Ouvidor Pardinho. No dia 14 de dezembro os espaços fecharam para manutenção e férias dos profissionais. As atividades retornam em fevereiro de 2019. 

Fonte: Bem Paraná

Pagina 1 de 6