Érico Malvezi

Érico Malvezi

 

O prazo para o eleitor que não votou justificar a ausência no 1º turno das eleições desse ano termina nessa quinta-feira. É possível justificar indo até ao cartório eleitoral ou fazendo pela internet, no site do Sistema Justifica.

Para quem faz pela internet é preciso, além de informar o motivo da ausência, anexar o comprovante do que foi relatado na hora de justificar.

A solicitação depois passa por uma análise do juiz eleitoral. O sistema informa por e-mail se a pessoa teve o pedido de justificativa aceito. Para quem não votou no segundo turno das eleições deste ano, o prazo para justificar termina no dia 27 de dezembro. O site para fazer a justificativa é o https://justifica.tse.jus.br/

FONTE- BAND NEWS

 

Na manhã desta quarta-feira, 5, a Polícia Civil de Assis Chateaubriand cumpriu no Jardim Progresso, um mandado de busca e apreensão na residência de uma mulher com 20 anos. Conforme o delegado Henrique Lacerda o mandado é fruto de investigações que perduraram por mais de dois meses e foram encontrados entorpecentes análogos a maconha, dois aparelhos de celular e aproximadamente 200 reais, fracionados na sua maioria em cédulas de R$ 5 e R$ 10.
Na oportunidade foi presa uma mulher grávida de sete meses que morava na casa com uma criança de um ano e sete meses e outra de sete anos. “Utilizava este artifício para ludibriar, tentando camuflar a ação delituosa, essa senhora foi autuado em flagrante por tráfico de drogas, cuja pena máxima de até 15 anos, e inclusive o seu marido foi preso pela equipe da Polícia Civil no mês de agosto, por tentativa de homicídio e já tinha passagens por tráfico, à prisão desta mulher ocorreu após o recebimento de uma informação através do disque-denúncia, a partir daí diligenciamos e iniciamos uma serie de investigações e representamos pelo mandado de busca e apreensão que foi cumprido nesta oportunidade”, salientou o delegado.
Um fato que chamou a atenção dos policiais foi que no cumprimento foram localizadas porções de maconha dentro da frauda que a criança de um ano e sete meses iria utilizar, e outra porção em uma caixa de som.
O delegado Lacerda informou que as crianças ficaram com a avó, que compareceu no local, logo após a chegada dos policiais. A mulher segue presa a disposição da justiça.

Começa no próximo sábado (8), o bloqueio de celulares irregulares (piratas) nos estados do Acre, Espírito Santo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Rondônia, Santa Catarina e Tocantins, habilitados a partir de 23 de setembro. A informação foi dada hoje (3) pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).
Os usuários já estão recebendo mensagens de SMS, informando que o aparelho irregular será bloqueado. “Operadora avisa: Pela Lei 9.472 este celular está irregular e não funcionará nas redes celulares em 75 dias”, diz a mensagem. A primeira delas foi encaminhada no dia 23 de setembro. Outros alertas chegaram 50 dias e 25 dias antes.
Na véspera do bloqueio, o usuário receberá a seguinte mensagem: “Operadora avisa: Este celular IMEI XXXXXXXXXXXXXXX é irregular e deixará de funcionar nas redes celulares”. A agência informou que os usuários que aparelhos habilitados antes do dia 23 de setembro, mesmo que estejam irregulares, não serão afetados, desde que o número não seja alterado.
De acordo com a Anatel, a medida visa combater o uso de aparelhos falsificados ou com IMEI adulterado, clonado ou outras formas de fraude. A medida também busca inibir a comercialização de aparelhos móveis não homologados no país.
O IMEI (do inglês International Mobile Equipment Identity) é o número de identificação do celular. É composto por um código de 15 números, utilizado internacionalmente, que permite identificar a marca e modelo. Todas as mensagens são enviadas pelo número 2828.
Para saber se o número de IMEI é legal, basta discar *#06#. Se a numeração coincidir com a que aparece na caixa, o aparelho é regular. Caso contrário, há uma grande chance de ser irregular.
A Anatel informou ainda que o usuário de serviço móvel com situação irregular deve procurar a empresa ou pessoa que vendeu o aparelho e buscar seus direitos como consumidor.
A Anatel criou em seu Portal na Internet um espaço com informações do projeto de bloqueio de celulares, o projeto Celular Legal. No Portal da Anatel também é possível verificar se o celular apresenta alguma irregularidade.
Cronograma
O bloqueio de celulares irregulares começou pelo Distrito Federal e por Goiás. Os aparelhos começaram a ser bloqueados no dia 8 de maio. Segundo a Anatel, os aparelhos já foram excluídos das redes das prestadoras móveis 103 mil "piratas" nas duas unidades da federação.
Nos estados da Região Nordeste e demais estados das regiões Norte e Sudeste, incluindo São Paulo, o encaminhamento de mensagens aos usuários ocorrerá a partir de 7 de janeiro de 2019. O impedimento do uso começará a partir de 24 de março de 2019, no caso de aparelhos irregulares habilitados a partir de 7 de janeiro de 2019.
Estrangeiros
Aparelhos móveis comprados no exterior vão continuar funcionando no Brasil, desde que sejam certificados por organismos estrangeiros equivalentes à agência reguladora. Um celular só é considerado irregular quando não tem número IMEI registrado no banco de dados da GSMA, associação global de operadoras.
Não serão considerados irregulares os equipamentos adquiridos por particulares no exterior que, apesar de ainda não certificados no Brasil, tenham por origem fabricantes legítimos.

FONTE- AGÊNCIA BRASIL

 

Em nota oficial enviada na tarde de ontem pelo DER-PR (Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná), o órgão informa que, apesar de a data fixada em aditivos contratuais para o reajuste anual do pedágio ser 1º de dezembro, como o índice de reajuste é baseado em uma fórmula paramétrica composta por índices setoriais divulgados pela FGV (Fundação Getúlio Vargas) e que neste ano eles só foram publicados no dia 27 de novembro, as novas tarifas passarão a vigorar com alguns dias de atraso. Assim, os cálculos para o reajuste foram protocolados pelas seis concessionárias a partir da última terça-feira (27).

Os contratos preveem cinco dias úteis para análise do DER e homologação da Agepar (Agência Reguladora do Paraná). Já está concluída análise técnica da Ecocataratas, da Ecovia, da Viapar e da Rodonorte para encaminhamento à Agepar. Nesses processos, o prazo para homologação termina nesta terça-feira (4/12), indicando assim que as novas tarifas nessas concessionárias poderá ser cobrada a partir de amanhã.

O DER informou ter “detectado inconsistências nos cálculos apresentados pela Caminhos do Paraná e pela Econorte e devolveu os pedidos para ajustes.” Por essa razão, ainda não há data para reajuste nessas praças de pedágio. Quanto à Econorte, uma decisão liminar da Vara Federal de Jacarezinho limitou o reajuste ao IPCA do período. Essa decisão não se aplica às demais. O DER-PR ainda não informou o percentual a ser reajustado. Os novos valores devem ser publicados em jornais de circulação estadual um dia antes de entrarem em vigor.

Caberá decisão da concessionária o início da aplicação das novas tarifas. Na região oeste, são quatro praças que deverão operar com novos valores a partir desta semana: três administradas pela Ecocataratas na BR-277 - Santa Terezinha de Itaipu, Céu Azul e Cascavel - e uma na BR369, administrada pela Viapar, em Corbélia.

FONTE- O PARANÁ

 

O governador eleito do Paraná, Ratinho Junior, anunciou ontem (3) o jornalista Hudson José para a Secretaria Estadual de Comunicação. Segundo Ratinho Junior, a escolha segue a mesma linha dos nomes já anunciados: conciliar o conhecimento técnico com o compromisso de fazer um governo austero e inovador. Hudson José é formado em jornalismo pela Universidade Estadual de Ponta Grossa, tem especialização em Planejamento e Propaganda e em Gestão pela Universidade Federal do Paraná.

Sua experiência inclui a coordenação das áreas de comunicação e marketing em grandes empresas. Foi diretor de comunicação na região Sul do grupo português Sonae, diretor de Marketing da Unimed, diretor de Comunicação da PUCPr e diretor de marketing da rede de restaurantes Madero, além de ter sido diretor de Comunicação da Assembleia Legislativa do Paraná. Como jornalista, atuou na área de economia e negócios.

Foi correspondente da Gazeta Mercantil em Curitiba, repórter especial de economia da Folha de Londrina e colunista da Gazeta do Povo, analisando estratégias de marketing digital em campanhas políticas. Foi o coordenador de Comunicação da campanha de Ratinho Junior. Segundo Hudson José, a missão que lhe foi dada pelo governador eleito é a promoção do Paraná. Usar a comunicação para promover o estado e atrair investimentos em todas as áreas. “Nós vamos consolidar o projeto do governador e a Comunicação Social será uma das bases da promoção do estado, com transparência e inovação”.

FONTE- O PARANÁ

Cerca de 1,5 tonelada de drogas foram incineradas nesta segunda-feira (3), em Assis Chateaubriand. A incineração aconteceu em uma cooperativa na cidade.

Segundo o delegado Henrique Lacerda responsável pela 48ª DRP, o entorpecente é fruto de apreensões realizadas nos últimos meses.

Os produtos queimados foram maconha, crack e cocaína. O ministério público da cidade e a vigilância sanitária foram comunicados através de ofício segundo o delegado.

Nesta data foi queimada a droga apreendida pela Polícia Rodoviária posto de Assis, quando na oportunidade os patrulheiros apreenderam quase uma tonelada de maconha e na oportunidade o motorista conseguiu fugir enquanto os rodoviários estavam fazendo a verificação da parte documental.

O motorista foi preso pela Polícia Civil de Assis Chateaubriand que deu continuidade nas investigações. A prisão do condutor do caminhão que foi autuado por trafico ocorreu na região metropolitana de Curitiba.

Trio rouba carro e agride vitima no Encantado do Oeste e Idoso vai colocar veneno para rato no forro da casa cai e morre em Tupãssi
Na madrugada de ontem a equipe da PM de Assis Chateaubriand foi solicitada a comparecer no Distrito de Encantado do Oeste, onde segundo solicitante, 3 indivíduos, sendo que 1 deles com uma arma de fogo, aparentemente uma pistola prata, chegaram em sua residência e renderam os moradores, sendo sua esposa e seu enteado.
Os indivíduos estavam com toca bala clava, e a todo o momento diziam que teriam vindo buscar o dinheiro que a vitima tinha sacado do banco a poucas horas a traz, sabiam que na conta do homem tinha a quantia de 17 mil reais.
A vitima informou que não havia sacado o dinheiro, nesse momento foi muito agredido, com soco chutes, os marginais procuraram pela casa e levaram 2 celulares todos os documentos pessoais e as carteiras de cada morador com certa quantia em dinheiro, que não souberam informar.
Também roubaram um veiculo VW/Parati de cor prata. Equipe orientou as vitimas, repassou para a rede do 19°BPM e realizou buscas, sem êxito até o momento.

Furto de escada de alumínio em residência
Ontem ainda compareceu na terceira companhia de polícia militar, um senhor o qual relatou que na madrugada anterior, indivíduos adentraram na parte externa da sua residência e furtaram uma escada de alumínio.

Durante crise de ciúme mulher danifica veículo no Progresso
Ainda em Assis Chateaubriand a PM foi até o Jardim Progresso e em contato com a vitima este relatou que depois de uma crise de ciúmes sua amasia causou dano em seu veiculo quebrando as lanternas traseiras limpadores de para brisa e para-brisa dianteiro, bem como causou vários amassados por todo veiculo e rasgou os bancos. Diante dos fatos as partes foram orientadas a procedimentos cabíveis e o BOU foi confeccionado

Idoso vai colocar veneno para rato no forro da casa cai e morre em Tupãssi
Por volta das 12h30, a PM de Tupãssi recebeu uma ligação oriunda do hospital municipal de Tupãssi informando que um homem havia dado entrada já em óbito na unidade hospitalar.
No local ele foi identificado como sendo L. C. F., de 67 anos. Segundo familiares o mesmo foi vítima de uma queda, enquanto colocava veneno para ratos no forro de sua residência, sendo socorrido por familiares e encaminhado ao hospital, porém já chegou sem vida.

Televisor de 40 polegadas da saúde de Tupãssi é furtado
Ainda em Tupãssi por volta de 14h54 compareceu ao DPM um senhor ocupante do cargo de diretor de saúde da rede municipal de Tupãssi, e relatou que foram realizadas algumas mudanças na unidade de saúde de Tupãssi e posteriormente os funcionários responsáveis pelo posto de saúde notaram a falta de um aparelho televisor, 40 polegadas LCD, marca SEMP TOSHIBA, FULL HD, adquirido em 2011 pela prefeitura para a unidade de saúde.
Diante do ocorrido à pessoa foi até o DPM registrar o presente boletim para que sejam tomadas as providencias a respeito da falta do aparelho televisor e evitar futuras complicações.


Moto NXR é furtada de barracão em Jesuítas
Por volta das 08h10, a equipe da PM de Jesuítas foi acionada por um cidadão informando que teve a motocicleta Honda/NXR 150 Bros ES, cor vermelha, furtada.
O solicitante informa que ao chegar por volta das 08h de ontem em seu barracão, localizado na rodovia- PR 239, proximidades do trevo de acesso ao município, quando percebeu que o cadeado da porta frontal estava arrombado.
O local possui sistema de monitoramento por câmeras, porém, a fiação foi cortada e a câmera interna virada. O solicitante se comprometeu a fornecer as imagens em pen drive para a polícia a Polícia Civil

Ainda em Jesuítas um botijão de gás foi furtado de uma residência.

 

Por volta das 15h20 de ontem a PM de Tupãssi foi acionada por populares no qual relataram que havia um veículo Brasília, em uma área rural, e ao lado deste veículo havia um homem morto.

A equipe prontamente acionou a ambulância e a polícia civil e deslocou até a linha Água Memória, no local juntamente com demais autoridades constatou o fato, sendo identificado o senhor Manoel Pereira dos Santos de 71 anos. Realizadas as verificações para confecções do boletim, pois se trata de um provável capotamento.

Os militares acompanharam e deram apoio as demais equipes do IML, e posterior a liberação da perícia o veículo foi recolhido ao pátio do destacamento de Tupãssi pelo guincho da cidade de Assis, registrado o boletim e encaminhado a Polícia civil de Assis para procedimentos.

 

A partir de amanhã (29), o Instituto de Identificação do Paraná não vai mais cobrar a taxa de emissão do atestado de antecedentes criminais. Em média, todos os anos, são emitidos duzentos mil atestados pela Polícia Civil. O valor cobrado atualmente é de R$ 7,81.

Desde setembro de 2015 o serviço é feito de forma online, pelo site do Instituto. O objetivo de ofertar o serviço online foi facilitar o processo de solicitação para toda população do Estado. Segundo o diretor do Instituto de Identificação, Marcos Michelotto, a mudança atende uma decisão do Conselho Nacional de Justiça.

O atestado de antecedentes pode ser retirado no site www.institutodeidentificacao.pr.gov.br.

FONTE- CBN CURITIBA

 

O Ministério Público do Paraná, por meio da Promotoria de Justiça de Formosa do Oeste, realizou, nesta terça-feira, 27 de novembro, operação na carceragem da Delegacia de Polícia do município. No local, estão custodiados 24 detentos.

Realizada em conjunto com a Polícia Civil de Assis Chateaubriand, município vizinho, e a equipe da Seção de Operações Especiais (SOE) do Sistema Prisional paranaense, a operação foi deflagrada após o recebimento de denúncias de que havia itens proibidos no local (celulares e drogas). Foram apreendidos quatro aparelhos celulares, diversos carregadores de telefone celular, aproximadamente 180 gramas de droga (maconha), além de aproximadamente R$ 500.

FONTE- MPPR

 

Pagina 1 de 37